Pós feriado de Tiradentes (21/4), a arroba do boi gordo apresentou poucos negócios e boa parte dos compradores fora das compras

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 26/04/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Nessa terça-feira três praças monitoradas apresentaram ajustes negativos nas cotações no mercado físico do boi gordo, BA, MG e RO. Em São Paulo os preços se mantiveram estáveis e o boi comum continuou valendo R$ 265,00/@, e o “boi China”, R$ 280,00/@.

Na B3, o contrato vigente fechou o dia em R$ 277,65/@, uma alta de 0,22% – com informações da Agrifatto. Por outro lado, na última semana, o bezerro apresentou movimentações distintas nas praças brasileiras, registrando avanço no MT e MS, queda em MG e SP, e estabilidade no restante das regiões. Dessa forma, a relação de troca entre o boi gordo e o animal de reposição recuou em cinco praças, se manteve estável em uma e avançou em duas, com destaque para MG que teve o maior avanço de 7,12%, devido à queda intensa do bezerro.

O mercado físico do boi gordo teve preços estáveis nesta segunda-feira (24). Segundo o analista da Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, a semana iniciou com inexpressiva fluidez dos negócios. “Em grande parte do país os frigoríficos ainda desfrutam de uma posição confortável em suas escalas de abate, e já foram evidenciadas novas tentativas de compra abaixo da referência do dia”, explica Iglesias.

Leia também:


Com o auge da safra de boi gordo se aproximando, o foco principal está na abundante oferta de animais disponíveis para abate A perspectiva para o mês de maio no Centro-Norte brasileiro é de uma contundente redução das chuvas, o que irá resultar no desgaste das pastagens e em uma menor capacidade de retenção por parte do pecuarista.


Em Dourados (MS), a arroba foi indicada em R$ 264. Em Cuiabá, a arroba ficou indicada em R$ 247. Em Goiânia, Goiás, a indicação foi de R$ 257 para a arroba do boi gordo. Em Uberaba, a arroba teve preço de R$ 270. Assim, as cotações para o boi, vaca e novilha permaneceram estáveis na comparação feita dia a dia. A cotação do “boi China” permaneceu com algumas ofertas de compra abaixo da referência, há, no momento, pouco ágio em relação a arroba do boi para o mercado interno.

Região Norte de Mato Grosso

A semana inicia com queda da cotação da novilha gorda em R$3,00/@. A ponta compradora tem optado por diminuir o volume de compras, uma vez que as escalas estão bem programadas.


Compre Rural

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?