Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Ministro cita queda internacional do petróleo e cobra que Petrobras reduza preços: ‘já esperava uma manifestação’

Alexandre Silveira (Minas e Energia) diz que já acionou Casa Civil e pediu reunião com Petrobras; diesel poderia cair até R$ 0,42 por litro, diz. Ele também descartou risco de racionamento.

Tempo de leitura: < 1 minuto

| Publicado em 17/11/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, afirmou nesta sexta-feira (17) em entrevista à GloboNews que o governo deve acionar a Petrobras para “cobrar” uma redução nos preços dos combustíveis, frente à queda do preço do petróleo no mercado internacional.

“O último aumento da Petrobras já vai fazer 30 dias. O brent [petróleo cru leve] naquele momento era em torno de 92 dólares [por barril], o preço do dólar era estável como está hoje. Agora, o brent reduziu muito, estamos em torno de 78 dólares. Portanto, eu já esperava uma manifestação da Petrobras no sentido de reduzir preços. Em especial, do óleo diesel, que impacta diretamente a inflação porque é o grande condutor, o grande impulsionador da economia é o transporte”, disse Silveira.

Segundo o ministro, os cálculos do governo indicam que seria possível baratear o diesel entre R$ 0,32 e R$ 0,42 por litro, e a gasolina entre R$ 0,10 e R$ 0,12.

“Fiz essa manifestação à Casa Civil. É importante, respeitando a governança da Petrobras, respeitando a sua natureza jurídica. Mas já está na hora de puxarmos a orelha de novo da Petrobras, para que ela volte à mesa e possa colocar com clareza”, adicionou.

G1

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?