Está com frio? Confira a previsão e quando o calor deve voltar

Segundo a previsão do tempo, as temperaturas voltam a subir em alguns estados brasileiros a partir de quinta-feira (31)

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 28/08/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de Mercado

Se você está sentindo frio, a previsão do tempo traz alívio: saiba quando o calor deve voltar:

Região Sul

Leia também:

A semana na Região Sul do Brasil começa com a chegada de uma massa de ar frio.

Espera-se que as temperaturas mínimas alcancem cerca de 3 ºC em áreas de baixada no Rio Grande do Sul (RS) e Santa Catarina (SC), com riscos de geada na segunda-feira.

No Paraná, a temperatura também diminuirá, atingindo cerca de 10 ºC, mas sem previsão de geada.

Ao longo da semana, uma elevação gradual das temperaturas está prevista, desestimulando a formação de geadas a partir de terça-feira.

Entretanto, na sexta-feira, espera-se a entrada de um sistema de baixa pressão causando chuvas intensas.

Esses eventos climáticos podem impactar as lavouras de inverno, como trigo e cevada, devido ao risco de inundação. Criadores de animais devem monitorar possíveis doenças respiratórias decorrentes do clima úmido e frio.

Região Sudeste

A previsão do tempo para o Sudeste indica chuvas até quarta-feira.

Regiões como o leste de São Paulo (SP), sul de Minas Gerais (MG), Rio de Janeiro (RJ) e Espírito Santo (ES) experimentarão um ar mais frio, com temperaturas mínimas em São Paulo-SP em torno de 12ºC até metade da semana.

Posteriormente, as temperaturas se elevarão, acompanhadas de céu ensolarado.

O acúmulo de precipitação auxiliará na umidade do solo, beneficiando áreas que enfrentaram déficits de chuva recentemente.

Essa nebulosidade ajudará a atenuar o calor intenso da última semana, com temperaturas próximas a 40 ºC, reduzindo os riscos de incêndio.

Região Centro-Oeste

Na Região Centro-Oeste, chuvas estão previstas nos três estados. Destaque para a tríplice fronteira, sul de Goiás (GO) e Distrito Federal (DF), com possibilidade de volumes de até 70 mm.

Em Mato Grosso do Sul (MS), o ar frio trará mínimas de cerca de 13 ºC na segunda-feira, aumentando ao longo da semana.

Embora as chuvas possam atrapalhar as atividades agrícolas e a maturação do milho segunda safra e algodão, elas serão benéficas à umidade do solo, recuperando pastagens e aliviando altas temperaturas. A umidade extra também reduzirá o risco de incêndios.

Região Nordeste

No Nordeste, a previsão inclui retorno das chuvas ao oeste do estado da Bahia, beneficiando lavouras de terceira safra.

Embora de baixa intensidade, cerca de 10 mm a 20 mm, essas chuvas terão impactos positivos. Na faixa litorânea, chuvas mais intensas (até 70 mm) podem causar alagamentos pontuais.

Estados como Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco enfrentarão restrição hídrica e altas temperaturas, ampliando o risco de incêndios.

O clima seco continuará favorecendo a maturação e colheita do milho segunda safra e do algodão.

Região Norte

Chuvas previstas na Região Norte, com destaque para centro-sul do Pará e centro-sul do Tocantins.

No Tocantins, até 15 mm de chuva são esperados, proporcionando alívio temporário para lavouras e pastagens.

Chuvas no Acre e Rondônia poderão atrapalhar atividades, mas manterão a umidade do solo. As temperaturas máximas permanecerão acima de 30 ºC, atingindo até 37 ºC no Tocantins.

Canal Rural

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?