Publicidade

Trigo Balanço Mensal Jan/22: tensões entre Rússia e Ucrânia resultaram em aumento de mais de 7% nos futuros da CBOT

O ano nem bem começou e o mercado do trigo tanto brasileiro como externo, já contou com inúmeros fatores que movimentaram os preços. No Brasil, a alta nos preços do milho e estoques apertados de trigo, que podem resultar numa necessidade de importação mais cedo este ano, além da restrição da oferta por parte dos produtores, fizeram os preços se manterem elevados. Na Argentina, o país registrou a sua maior safra histórica, com 21,8 milhões de toneladas colhidas. Nos EUA, os preços chegaram a registrar ganhos de até 7% na CBOT na variação mensal, fundamentados principalmente pelas tensões entre dois grandes produtores e exportadores de trigo, a Rússia e Ucrânia. Confira:

Tempo de leitura: 6 minutos

| Publicado em 26/06/2022 por:

Eng. Agrônoma especializada em Administração Agrícola e Comércio Exterior.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O ano nem bem começou e o mercado do trigo tanto brasileiro como externo, já contou com inúmeros fatores que movimentaram os preços. No Brasil, a alta nos preços do milho e estoques apertados de trigo, que podem resultar numa necessidade de importação mais cedo este ano, além da restrição da oferta por parte dos produtores, fizeram os preços se manterem elevados. Na Argentina, o país registrou a sua maior safra histórica, com 21,8 milhões de toneladas colhidas. Nos EUA, os preços chegaram a registrar ganhos de até 7% na CBOT na variação mensal, fundamentados principalmente pelas tensões entre dois grandes produtores e exportadores de trigo, a Rússia e Ucrânia. Confira:

Você precisa ser um assinante para ler essa publicação.

ou

Conheça alguns dos nossos planos abaixo

Assine agora e usufrua dos benefícios.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?