Publicidade

Milho Balanço Semanal: preços futuros sobem em Chicago, mas cotações brasileiras fecham a semana em baixa

Os preços do milho fecharam em alta na Bolsa de Chicago, sustentados principalmente pelo aumento na produção de etanol que chegou a seus melhores níveis desde junho de 2019, gerando uma rodada de compras técnicas e riscos de diminuição das áreas plantadas do grão para 2022/23 em virtude da forte alta nos fertilizantes. Por outro lado, com o menor ritmo de negócios, os preços do milho brasileiro não acompanharam estes aumentos e acabaram fechando em queda, tanto na B3 como no mercado físico. Confira:

Tempo de leitura: 6 minutos

| Publicado em 27/06/2022 por:

Eng. Agrônoma especializada em Administração Agrícola e Comércio Exterior.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Os preços do milho fecharam em alta na Bolsa de Chicago, sustentados principalmente pelo aumento na produção de etanol que chegou a seus melhores níveis desde junho de 2019, gerando uma rodada de compras técnicas e riscos de diminuição das áreas plantadas do grão para 2022/23 em virtude da forte alta nos fertilizantes. Por outro lado, com o menor ritmo de negócios, os preços do milho brasileiro não acompanharam estes aumentos e acabaram fechando em queda, tanto na B3 como no mercado físico. Confira:

Você precisa ser um assinante para ler essa publicação.

ou

Conheça alguns dos nossos planos abaixo

Assine agora e usufrua dos benefícios.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?