Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DO MILHO: preços da saca seguem baixos no mercado spot brasileiro

Apesar dos futuros do milho terem encerrado a quarta-feira (31) operando no campo positivo na B3, os preços da saca no mercado físico seguiram recuando.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 01/02/2024 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Apesar dos futuros do milho terem encerrado a quarta-feira (31) operando no campo positivo na B3, os preços da saca no mercado físico seguiram recuando, pressionados principalmente pela baixa comercialização nacional do cereal.

Na B3, o contrato março variou +1,23% e o maio +0,73%. No mercado spot, em Campo Mourão/PR a saca variou -2,1%, caindo para R$ 47,00, em Nova Mutum/MT a variação foi de -0,2%, com a saca valendo R$ 40,00.

No estado do Paraná, a Deral informou que 19% da safra de milho verão já foi colhida até o dia 29 de janeiro, apresentando uma classificação de 68% para lavouras em boas condições, 27% médias e 5% ruins.

Quanto ao milho de segunda safra no estado, o plantio avançou para 22% do total, com 99% das áreas avaliadas com boas condições, e apenas 1% médias.

No mercado externo, contamos com a atualização das vendas semanais para exportação nos EUA.

Segundo o USDA, entre os dias 19 e 25 de janeiro foram vendidas 1,206 milhão de toneladas de milho 2023/24, uma alta de 26% ante a semana anterior. Os destinos foram o Japão, México, Coréia do Sul, Colômbia e Guatemala.

Para 2024/25 as vendas totalizaram 144,500 mil toneladas, destinadas ao Japão e México.

Os futuros do milho na Bolsa de Chicago estão sentindo os números acima, e encerraram a quarta-feira (31) com uma variação de +0,13% para o contrato março e de +1,70% para o maio.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?