Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DA SOJA: futuros da oleaginosa em Chicago seguem sustentados pelas condições climáticas nos EUA

Os futuros da oleaginosa abriram a sessão de hoje (20) operando no campo negativo, porém retomando seus números ao longo do dia com o mercado ansioso pelo clima nos EUA, o qual as previsões seguem apontado condições desfavoráveis para o ideal desenvolvimento das lavouras.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 20/06/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Iniciando pelo Brasil, contamos com atualização da Balança Comercial preliminar do mês. Segundo os dados da Secex, até a 3° semana de junho foram exportadas 8,748 milhões de toneladas de soja, número que representa 87,6% do volume total exportado em junho de 2022.

O aumento no ritmo dos embarques levanta a possibilidade de que o país possa conquistar um novo recorde mensal, tirando vantagem de uma demanda aquecida e uma safra recorde.

No mercado físico já vemos algumas recuperações nos preços da saca pelo território nacional, como é o caso de Irati/PR onde a saca variou +1,7% nessa segunda-feira (19), encerrando cotada a R$123,00. O indicador Cepea Paranaguá variou +0,2%.

No mercado externo, a Bolsa de Chicago voltou a operar nessa terça-feira (20) devido ao feriado nacional do dia 19 de junho. Os futuros da oleaginosa abriram a sessão de hoje (20) operando no campo negativo, porém retomando seus números ao longo do dia com o mercado ansioso pelo clima nos EUA, o qual as previsões seguem apontado condições desfavoráveis para o ideal desenvolvimento das lavouras.

Ainda no país, contamos com atualizações do USDA para as condições de lavouras e inspeções semanais de grãos para exportação.

Segundo o departamento, 68% das lavouras se encontram em condições boas/excelentes, 26% regulares e 6% em condições ruins/péssimas.

Quanto as inspeções semanais encerradas no dia 15 de junho, essas somaram 185,184 mil toneladas de soja, volume bem abaixo das 429,644 mil toneladas inspecionadas em igual período do ano anterior.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?