Acesse

MINUTO DA SOJA: exportações brasileiras da oleaginosa no mês de março superam o volume exportado em igual período de 2022

Até a 5° semana de mês, os dados da Secex informam um volume exportado de 13,271 milhões de toneladas de soja, indicando assim aumento no ritmo das exportações.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 04/04/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Finalizamos o mês de março com atualização da Balança Comercial. Até a 5° semana de mês, os dados da Secex informam um volume exportado de 13,271 milhões de toneladas de soja, indicando assim aumento no ritmo das exportações.

Para melhorar, analistas então discutindo sobre as possibilidades de exportação de soja para a Argentina.

Todos sabemos da situação daquele país, e da histórica quebra de safra causada pela seca na região. A produção que deveria ser de 41 milhões de toneladas, está agora estimada em 25 milhões, abrindo a necessidade de importação do grão.

Não apenas pela logística, mas também por contar com uma enorme safra, temos o Brasil como um dos principais fornecedores para a Argentina, podendo o nosso país ser responsável por metade de toda a soja que será importada.

O cenário é otimista para produtores brasileiros, que antes estavam preocupados com a menor demanda que poderia vir da China.

Para a colheita da oleaginosa no país, os trabalhos no campo alcançaram 76% do total até a última quinta-feira (30), um avanço de 6 pontos percentuais ante a semana anterior, porém ainda com os trabalhos atrasados em 5 pontos percentuais quando comparamos com o ano anterior. A colheita está praticamente encerrada nos estados do Centro-Sul.

No mercado externo contamos com atualização do USDA para as inspeções semanais de grãos para exportação nos EUA. Até o dia 30 de março foram inspecionadas 499,054 mil toneladas de soja, abaixo do volume de 742,337 mil inspecionadas em igual período do ano anterior.

Quanto aos futuros da oleaginosa em Chicago, após encerrar a primeira sessão da semana operando no campo positivo, as cotações voltam a cair nesta terça-feira (04) pressionadas pelos derivados da soja.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?