Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DO MILHO: programa de exportação do milho brasileiro “a todo vapor”

Em 2022, a Anec prevê que os embarques brasileiros do cereal podem chegar a 41 milhões de toneladas, sendo que de janeiro até o momento, o volume acumulado foi de 38,3 milhões.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 24/11/2022 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

A autorização de Pequim para a exportação de milho brasileiro para a China está dando o que falar e, entre os comentários, já ouvi que os produtores do Brasil estão ansiosos para competir com os Estados Unidos pelo cargo de principal fornecedor de milho para o gigante asiático.

Em 2022, a Anec prevê que os embarques brasileiros do cereal podem chegar a 41 milhões de toneladas, sendo que de janeiro até o momento, o volume acumulado foi de 38,3 milhões. Para o mês de novembro, a estimativa de exportação é de 6,4 milhões de toneladas. Especificamente para a China, a expectativa é exportar 368 mil toneladas no mês. O programa de exportação no Brasil está acelerando, o mundo precisa de milho e a Ucrânia ainda não voltou a escoar o cereal. Após novos ataques da Rússia aquele país, as condições energéticas estão cada vez piores, preocupando o mercado.

Na Bolsa Brasileira, as cotações do milho operam em campo misto, com pequenos movimentos para o campo positivo, apoiado na forte demanda do cereal nos portos. Nesta semana, a Deral informou que o plantio alcançou 98% do total até o último dia 21, classificando 85% dessa lavoura com condições boas ou excelentes.

Nos Estados Unidos, esta quinta-feira (24) é feriado de Ação de Graças, o que deixa as negociações no país mais tranquilas, sem grandes movimentações. Conforme atualização do USDA na última segunda-feira (21), as inspeções semanais de milho para exportação somaram 495,395 mil toneladas. A colheita americana do cereal havia atingido 96% do total até o dia 20.

Em Chicago, os futuros do milho contrato dezembro (ZCZ2) encerrou a sessão de quarta-feira (23) valorizando +0,99%, cotado a US$ 6,63 por bushel.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?