Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DO MILHO: inspeções semanais para exportação nos EUA

Atuando como suporte para as cotações, o USDA informou uma venda de 267 mil toneladas de milho para embarque 2023/24, com destino ao México.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 05/12/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

A primeira semana de dezembro começou com estabilidade para os futuros do milho na Bolsa de Chicago.

Durante a sessão de segunda-feira (04), o contrato março variou +0,17% e o maio +0,08%, com maiores altas impedidas pela forte queda da soja e recente valorização do dólar.

Atuando como suporte para as cotações, o USDA informou uma venda de 267 mil toneladas de milho para embarque 2023/24, com destino ao México.

Também nesta segunda-feira (04), foram atualizados os dados quanto às inspeções semanais para exportação nos EUA. Segundo o USDA, na semana encerrada no dia 30 de novembro, foram inspecionadas 1,158 milhão de toneladas de milho, uma alta de 183% ante ao volume da semana anterior, e de 39% ante as inspeções realizadas em igual período de 2022.

Indo para o Brasil, também vemos os preços operando com estabilidade, movimentados pelos dados da Balança Comercial e pelas chuvas ocorridas pelo país durante o último final de semana.

A Balança Comercial de novembro contou com novos recordes nas exportações, com o milho alcançando um volume embarcado de 7,406 milhões de toneladas, uma alta de 25,7% ante ao exportado neste mesmo mês em 2022.

No mercado físico os produtores permanecem retraídos para a comercialização do cereal, atentos aos impactos do atraso no plantio.

Em Santa Catarina a média da saca do milho teve um incremento de +0,3% nesta segunda-feira (04), e vemos o indicador de Esalq variando +1,1%.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?