Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DO MILHO: até o momento, exportações brasileiras representam apenas 64% do total exportado em junho de 2022

Segundo os dados da Secex, até a 4° semana de junho foram exportadas 632,011 mil toneladas de milho, o que representa cerca de 64% do volume total exportado em junho do ano anterior.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 27/06/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Vamos iniciar essa terça-feira (27) falando sobre o mercado externo. Nos EUA contamos com importantes atualizações do USDA quanto às condições de lavouras no campo. Até o dia 25 de junho, cerca de 67% das lavouras de milho se encontravam em excelentes/boas condições, apresentando uma queda de 3 pontos percentuais ante a semana anterior. Cerca de 25% se encontram em condições regulares e 8% entre ruins/péssimas.

Para as inspeções semanais de grãos, na semana encerrada no dia 22 foram inspecionadas 542,727 mil toneladas de milho, volume extremamente abaixo das 1,246 milhão de toneladas inspecionadas em igual período do ano anterior. Até o momento em 2023 foram inspecionadas um total de 32,477 milhões de toneladas contra 47,427 milhões do ano anterior.

Com a redução no ritmo das inspeções e piora nas condições das lavouras devido ao clima seco no país norte-americano, os futuros do cereal tiveram suporte e encerram a sessão de segunda-feira (26) com o contrato julho variando +1,05% na Bolsa de Chicago.

No Brasil, contamos com a atualização da Balança Comercial preliminar do mês. Segundo os dados da Secex, até a 4° semana de junho foram exportadas 632,011 mil toneladas de milho, o que representa cerca de 64% do volume total exportado em junho do ano anterior.

Quanto aos trabalhos no campo, o Imea liberou o seu levantamento semanal apontando que a colheita avançou 10,89 pontos percentuais na última semana lá no estado do Mato Grosso, chegando a um total de 19,24%.

No mercado físico nacional a segunda-feira (26) foi marcada por preços operando no campo misto nas praças de negociação, e vemos os preços da saca de milho recuarem -1,8% em Chapecó/SP e valorizarem +1,0% em Jataí/GO.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?