Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DO CAFÉ: Rabobank apresenta quedas nas novas estimativas para a produção global do café

A redução vem principalmente da Colômbia e Vietnã, países que estão sofrendo quebras de produção devido ao clima adverso para a cultura.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 30/08/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Essa semana começou um pouco diferente aqui no Brasil, sem atualização dos números das exportações de grãos para a última semana. Segundo a Secretaria de Comércio Exterior, a Balança Comercial do mês será divulgada no dia 01 de setembro.

Vale lembrar que até a 3° semana de agosto foram exportadas 117,102 mil toneladas de café não torrado. Esse número já representava 83,7% do volume total exportado nesse mesmo mês em 2022, restando apenas 22,786 mil toneladas a serem vencidas nesses últimos dias para obter um novo recorde.

No campo, a Cooxupé informou que a colheita do café chegou a 92,04% do total em suas áreas de atuação até o último dia 25 de agosto. Em Matas de Minas os trabalham estavam 97% finalizados, São Paulo 94,56%, Sul de Minas 93,74% e Cerrado Mineiro 89,70%.

Os preços da saca do café arábica sentem o avanço da colheita e as exportações, levando a variações distintas pelo país. Em Manhuaçu/MG a saca do café arábica variou +1,3% na terça-feira (30) e em Maringá/PR a variação foi de +0,6%, porém em Guaxupé/MG e Oeste da Bahia/BA as variações foram -1,2% e -0,3%, sucessivamente.

Indo para o mercado externo, os futuros do café arábica estão passando por uma semana positiva na Bolsa de Nova York, com o contrato dezembro variando, até o momento, +2,34% cotado a 155,30 cents/lp.

Boa parte do suporte veio após o Rabobank, banco Holandês, informar que estima uma redução na oferta global para a safra 2023/24. Segundo os analistas, a nova estimativa é um volume de 172,6 milhões de sacas de 60kg, uma queda de 1,6 milhão ante as estimativas anteriores.

A redução vem principalmente da Colômbia e Vietnã, países que estão sofrendo quebras de produção devido ao clima adverso para a cultura. Na Colômbia as estimativas reduziram a produção em 1,1 milhão de sacas.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?