Acesse

MINUTO DA SOJA: óleo de soja empurra os futuros do grão em Chicago

O óleo de soja subiu mais de 2% na segunda-feira, indo na carona do petróleo que valorizou mais de 4% no dia.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 28/03/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

A semana começou com atualização da Balança Comercial preliminar do mês no Brasil. Segundo os dados da Secex, as exportações de soja até a 4° semana de março somaram um volume de 9,986 milhões de toneladas, cerca de 18% a menos do total para o mesmo mês em 2022.

A colheita da oleaginosa no país alcançou 70% do total até a última quinta-feira (23), um avanço de 8 pontos percentuais ante a semana anterior porém ainda com os trabalhos atrasados em 5 pontos percentuais quando comparamos com o ano anterior. A colheita está praticamente encerrada nos estados do Mato Grosso e Rondônia.

Com a entrada da nova safra e boas estimativas de produção, os preços da saca no mercado físico continuam pressionados e recuam nas principais praças de negociação. Em são Gabriel do Oeste/MS a saca recuou -1,8% na segunda-feira (27), valendo R$133,00.

No mercado externo, acompanhamos os futuros da oleaginosa operarem no campo positivo na Bolsa de Chicago, apoiados desta vez por seus derivados. O contrato maio variou +0,98% na sessão de segunda-feira (27).

O empurrão veio do óleo de soja que subiu mais de 2% na segunda-feira, indo na carona do petróleo que valorizou mais de 4% no dia. Além disso, um forte suporte aos preços segue sendo a Argentina, que está sofrendo com a pior safra de soja em mais de 20 anos.

Ademais, o USDA atualizou as vendas semanais de grãos norte-americanos para exportação. Até o dia 23 foram inspecionadas 888,707 mil toneladas de soja, acima do volume inspecionado em igual período do ano anterior.

O mercado segue atento na demanda chinesa e na colheita da soja no Brasil.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?