Acesse

Veja as cotações dos mercados abaixo:

Veja as cotações dos mercados abaixo:

MINUTO DA SOJA: novas estimativas da ABIOVE para a soja no Brasil

A Abiove elevou suas estimativas para a produção nacional da oleaginosa em 1 milhão de toneladas, chegando ao novo volume de 155 milhões de toneladas.

Tempo de leitura: 2 minutos

| Publicado em 29/06/2023 por:

Engenheira Agrônoma | Analista de mercado

Após 5 sessões consecutivas de quedas, os futuros da oleaginosa passaram a operar no campo positivo na manhã dessa quinta-feira (29), variando +0,15% para o contrato agosto na Bolsa de Chicago.

Ontem (28) os futuros encerram o dia com uma queda de -2,94% para o vencimento julho e -2,47% no vencimento agosto, movimento apoiado principalmente pelas boas previsões climáticas nos EUA.

O Meio-Oeste dos EUA, importante região produtora, estava sofrendo com déficit hídrico e temperaturas elevadas, o que vinha reduzindo a qualidade das lavouras no campo e atuando como suporte para Chicago. Porém, em novas atualizações é esperado precipitação adicional para a área nas próximas semanas, fator favorável para o desenvolvimento das culturas e que traz alívio para o mercado.

Ainda no país norte-americano, o USDA nos traz os números das vendas semanais para exportação de grãos. Entre os dias 16 e 22 de junho foram vendidas 227,400 mil toneladas de soja, volume 50% menor que o da semana anterior e 28% abaixo da média de 4 semanas. Os destinos foram o México, Japão, Indonésia e Taiwan, além de destinos desconhecidos.

No Brasil, a Anec reduziu levemente as suas estimativas para as exportações brasileiras de soja nesse mês de junho, as quais devem sair de 14,3 milhões para 14,2 milhões de toneladas. Caso esse volume se concretize, as exportações estariam 4 milhões de toneladas acima do volume em junho de 2022.

As estimativas para o farelo de soja também tiveram leve recuo, com um novo volume a ser exportado de 2,32 milhões de toneladas.

Ainda no país, a Abiove elevou suas estimativas para a produção nacional da oleaginosa em 1 milhão de toneladas, chegando ao novo volume de 155 milhões de toneladas. O processamento da soja deve crescer para 53,2 milhões de toneladas, com uma estimativa para a produção do farelo de 40,7 milhões de toneladas. O óleo de soja deve somar um volume de 10,7 milhões de toneladas.

Quanto a exportação, as estimativas são para um novo volume de 97 milhões de toneladas, com 21,9 milhões de toneladas de farelo de soja e 2,3 milhões de óleo de soja.

TAGS:

Acesse todos os nossos conteúdos

Publicidade

Publicidade

Seja um assinante e aproveite.

Últimas notícias

plugins premium WordPress

Acesse a sua conta

Ainda não é assinante?