Destaques da Economia Brasileira e Internacional (10/06 a 14/06)

  • 14/06/2019
  • 3
  • Categoria(s): Notícias Agrí­colas |

Dólar

Economia no Brasil, depois da notícia do recuo em 0,2% do Produto Interno Bruto do Brasil no primeiro trimestre em relação ao trimestre anterior, novamente as notícias dos resultados do PIB não são animadoras. Falando sobre o mês de abril... 

A prévia apresentada pelo Banco Central para o primeiro mês do segundo trimestre de 2019 foi uma retração de 0,47% comparado ao mês anterior (prévia calculada pelo IBC-br).

Em relação ao mês de abril de 2018 a diferença é ainda maior, com uma queda de 0,62% na atividade economia do país. Este é o quarto mês em que os índices de crescimento são negativos, o último saldo positivo foi no mês de dezembro de 2018, quando o valor apontado foi de 0,22%.

A taxa Selic tem previsão de ser mantida em 6,5% ao ano até final de 2019. Este percentual de juros é a mínima histórica, porém, de acordo com o Banco Central, brevemente poderá haver uma mudança no quadro, é necessário fazer o ajuste dos juros para atingir as metas pré estabelecidas de inflação.

 

Setor do Agro no Brasil

No setor do Agronegócio brasileiro houve queda nas exportações de maio, resultando num percentual negativo de 1,7% em relação ao mesmo período de  2018. O total de receita em maio foi de US$ 9,80 bilhões.

Entre os principais fatores, a redução do índice de preço dos produtos brasileiros foi o que mais comprometeu os resultados, a queda de preço foi de 9,1% no mês.

Por consequência a participação do agronegócio na balança comercial em maio teve uma retração de 5,5%, passando de 51,6% de abril, para 46,1% em maio/19.

A compensação desta redução veio de outros setores, que somaram juntos um aumento de 22,5% comparados ao mês de abril.

 

Mercado Internacional

Em relação comércio em âmbito global, a China teve a sua produção desacelerada nos últimos dias chegando a níveis comparados ao ano de 2002, o crescimento em maio foi de 5% em relação ao ano de 2018, porém, não ultrapassou os 5,4% obtidos em abril.

A pressão feita pela “Guerra Comercial” dos Estados Unidos e China não está tão simples de ser resolvida e este problema está afetando e muito os resultados de produção da China. Por esta razão o crescimento está mais comedido, o que fez com que maio chegasse a uma mínima que não era vista há mais de 17 anos.

A briga entre os chineses e norte-americanos está repelindo investidores no País Asiático, com tudo isso, o investimento em ativos teve um crescimento menor do que o esperado, fazendo os analistas em Pequim ressaltarem a preocupação de tomadas de medidas de crescimento para o país.

Quanto ao dólar, a cotação fechou em R$ 3,8806 ao fim da última semana em 07/06, durante o dia 12/06 atingiu por um breve momento o menor índice dos últimos 7 dias chegando em R$ 3,8363 e hoje dia 14/06, as 15h estava marcando R$ 3,9022.

Para os próximos dias a projeção não trás muitas mudanças, isto porque, a Reforma da Previdência está andando a passos lentos e os Estados Unidos vêm noticiando a boa safra esperada para o próximo ciclo, fazendo com que a valorização do dólar seja ainda maior ante ao real.

Faça seu cadastro agora e acompanhe as análises de mercado de trigo, milho, soja, laranja, café, cana de açúcar, algodão, arroz e derivados. Você terá acesso gratuito por 7 dias. Após este período, poderá acessar ainda GRATUITAMENTE, nossas matérias abertas; agroindústria, logística, carnes, conjuntura de grãos e conjuntura econômica. É rápido e descomplicado. Um pé no campo e outro nos negócios. Basta clicar aqui.

Veja Mais
Paraná dá “salto qualitativo” na produção agropecuária com medida que suspende a vacinação do rebanho contra a febre aftosa, afirma governador
Drone deve integrar diversas plataformas para ampliar e melhorar uso na agricultura
Feijão – Balanço Semanal: Preços permanecem pressionados por conta da redução na demanda e oferta aquecida
Importação: volume de cereais com entrada pelo Porto de Paranaguá cresce 31% nos primeiros nove meses do ano
Contém glúten? Variedade de trigo melhorado geneticamente pode ser a solução para celíacos

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo