Fatores Climáticos: inverno marca retorno de chuva forte ao Sul; estação será mais úmida no Nordeste

  • 22/06/2022
  • 1
  • Categoria(s): Notí­cias Populares |

Fatores Climáticos

Condições climáticas previstas serão benéficas para o trigo, mesmo o que for instalado mais tardiamente, por causa do excesso de umidade

Os primeiros dias do inverno, que começa nesta terça-feira (21), serão marcados pelo retorno das chuvas fortes no extremo Sul do Brasil. Entre os dias 21 e 23 de junho ,estão previstos volumes que podem superar 60 milímetros em algumas localidades entre o interior do Rio Grande do Sul e o sul de Santa Catarina.

As chuvas diminuem entre os dias 24 e 25, mas, a partir do dia 26, há previsão de formação de novas instabilidades na região Sul. Desta vez, elas devem ficar mais restritas ao extremo sul do país, e não devem avançar provocando chuvas significativas no oeste e norte do Paraná, Sudeste e Centro-Oeste, onde o tempo seco vai predominar ao longo desta semana.

Ao que tudo indica, o trigo instalado no Sul, maior região produtora do cereal, terá um bom desempenho com as condições climáticas previstas. “Mesmo o trigo que for instalado mais tardiamente, por conta da alta umidade, não será prejudicado, já que fica mais livre de correr riscos de frio tardio em um momento em que o cereal esteja em uma fase mais suscetível às baixas temperaturas e às geadas”, afirma Celso Oliveira, meteorologista da Climatempo.

Chuva no Nordeste

Ainda nesta semana, as chuvas continuam expressivas na faixa leste do Nordeste, região que terá o inverno mais chuvoso do que o normal e que já registrou chuva muito acima da média neste outono. São esperados volumes superiores a 100 milímetros nas áreas litorâneas de Sergipe, Alagoas e Pernambuco, mantendo os riscos para deslizamentos de terra e encostas.

Na próxima semana, as chuvas continuam na costa leste do Nordeste, contudo, diminuem de intensidade. A partir do dia 28 de junho, as pancadas diminuem também na região Sul. Já os primeiros dias de julho serão marcados por tempo seco no Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O tempo seco continua predominando ao longo das próximas semanas também no interior do Matopiba.

Frio

Quanto às temperaturas, um novo declínio mais acentuado é esperado para o Sul nos últimos dias de junho, especialmente a partir do dia 28. No entanto, o risco para ocorrência de geadas ficará concentrado em regiões serranas. Nas áreas produtoras, o risco para ocorrência do fenômeno é baixo.

Entre os últimos dias de junho e os primeiros dias de julho, as temperaturas diminuem também no sul de Mato Grosso do Sul e partes do Sudeste. Mas também é baixo o risco para ocorrência de geadas em áreas produtoras.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

 

Fonte: Canal Rural / Agritempo

Veja Mais
Semana começa com risco de temporais em vários estados
Entenda como a economia brasileira vai crescer esse ano
Panificação. inverno na padaria: como aumentar as vendas durante a estação
Fretes do agronegócio estão entre os mais caros do país, aponta Fretebras
Importação de fertilizantes da Rússia continua crescendo

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo