Mandioca - Balanço Semanal: Queda nos preços da raiz e derivados, leva parte da indústria a reduzir a moagem

  • 18/08/2020
  • 2
  • Categoria(s): Raiz de Mandioca |

Cotação da Mandioca

A demanda industrial por mandioca, que já vinha enfraquecida, recuou ainda mais nos últimos dias, exercendo leve pressão sobre as cotações da raiz no acumulado da última semana. A menor procura pela matéria-prima está atrelada à redução da moagem por parte de algumas indústrias de fécula, visto que a demanda pelo derivado segue baixa. Confira como está o mercado e as cotações:

Atualização dos Indicadores da Conab

Produção: A estimativa de produção brasileira de raiz de mandioca para o ano de 2020, de acordo com a última atualização do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE (junho/2020), é de 18,9 milhões de toneladas, colhidas numa área de 1,27 milhão de hectares, representando uma produtividade de 14,91 t/ha.

Em relação a 2019, cuja produção foi de 18,9 milhões de toneladas, os dados apontam uma redução de 0,15% na produção. Já em relação à área plantada, houve uma redução de 1,93%, levando a produtividade ao patamar de 14,91t/h, frente à 15,15t/h em 2019, redução de 1,53%.

Cotação Raiz de Mandioca

Entre 10 e 14 de agosto, os preços oscilaram pouco, registrando altas pontuais em alguns dias, principalmente onde o déficit hídrico é maior, mas a média a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 322,93 (R$ 0,5616 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 1% abaixo da média anterior. Em quatro semanas, a queda acumulada é de 2,6%, em termos nominais.

A variação semanal da cotação da mandioca ficou com queda de 0,60% a ganhos de 1,78% nas regiões consultadas. O maior preço foi notado no Paraná, tanto em Marechal Cândido Rondon, quanto em Paranavaí, os indicadores ficaram em R$ 336,26/ton.

Cotação Fécula de Mandioca

O mercado da fécula de mandioca também sofreu reajustes, perdendo valor em todas as regiões entre 0,05% a 1,99%, com exceção de Marechal Candido Rondon - PR, onde a valorização da fécula foi de 0,43%, fechando a semana a um custo médio de R$ 1.945,04/ton.

Cotação Farinha de Mandioca

O preço da farinha de mandioca teve diferentes variações para tipos fina e grossa. O mercado da farinha fina, fechou com alta de 0,15% a 1,09% na última semana. Sendo que a região de Paranavaí - PR, foi a que atingiu a máxima de preço a R$ 72,91/saca.

Já com relação a cotação da farinha seca grossa, os valores ficaram entre R$ 48,10/saca a R$ 58,28/saca com incrementos entre 0,13% a 0,76% nas regiões de Assis-SP, Araruna-PR e Paranavaí-PR. Somente a região de Capivari de Baixo em Santa Catarina, é que registrou queda nos índices em 2,16%.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Veja Mais
Mandioca – Balanço Semanal: Com aumento da oferta e demanda enfraquecida, preços recuam
Mandioca – Balanço Semanal: Após 7 semanas consecutivas de alta, movimento é interrompido
Mandioca – Balanço Semanal: Média nominal é a maior desde janeiro/20 , preços registram alta de quase 50% em uma semana
Mandioca - Balanço Mensal: Em um mês, cotação da raiz subiu até 30% nas praças comercializadoras
Mandioca - Balanço Semanal: Em uma semana, cotação da raiz teve alta de até 13%

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo