Destaques da Economia (29/06 a 03/07): Recuperação na produção industrial em maio, minimiza o pessimismo da economia brasileira

  • 03/07/2020
  • 0
  • Categoria(s): Notí­cias Populares |

Economia Brasileira

Segundo dados do IBGE, a produção industrial brasileira subiu 7% em maio na comparação com o mês anterior. A recuperação acontece depois de o índice cair ao menor nível da história em abril, com retração de 18,8%. Esse indicador acabou por minimizar o pessimismo da economia brasileira, que está tendo grande dificuldade de recuperação por conta do aumento de casos do covid-19 nas principais cidades do país, pós-reabertura do comércio, motivo este, que está fazendo vários municípios recuarem com a flexibilização. Confira os destaques da economia brasileira e do mercado externo:

Economia Brasileira

Cotação do Dólar: No fechamento de quinta-feira (02), o preço do dólar registrou uma variação de 0,6% sendo cotado a R$ 5,3499. Na variação semanal, o indicador apresentou recuo de 0,41% tendo em vista que a moeda americana estava cotada a R$ 5,3278 a uma semana. Hoje, por volta das 10h30 a moeda americana operava a 5,3533 com valorização de 0,10% ante o dia anterior.

Dívida pública alcançará 98% do PIB em 2020: O Ministério da Economia elevou a projeção da dívida bruta do governo de 77,9% para 98,2% do PIB em 2020. O crescimento na estimativa acontece por conta das medidas para conter a crise do coronavírus, que demandam até agora R$ 521,3 bilhões no ano. Assim, o rombo nas contas do setor público neste ano deve ficar em R$ 828,8 bilhões, o equivalente a 12% do PIB. “O endividamento público brasileiro alcançará um novo patamar, que exigirá um esforço fiscal no médio prazo ainda maior do que se buscava antes da crise”, afirma o órgão em relatório.

3,5 milhões de famílias sobreviveram só com auxílio em maio: Cerca de 3,5 milhões de famílias sobreviveram apenas com o auxílio emergencial de R$ 600 em maio, aponta um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O grupo representa 5,2% do total dos domicílios do país. Ainda de acordo com o Ipea, nenhum morador teve renda do trabalho em 32% dos domicílios brasileiros no quinto mês do ano. Essa proporção era de 23,5% no primeiro trimestre, segundo dados do IBGE.

Produção industrial sobe 7% em maio: Segundo dados do IBGE, a produção industrial subiu 7% em maio na comparação com o mês anterior. A recuperação acontece depois de o índice cair ao menor nível da história em abril, com retração de 18,8%. O crescimento, no entanto, foi insuficiente para reverter a queda de 26,3% acumulada nos meses de março e abril, e o setor permanece no segundo patamar mais baixo desde o início da série histórica. O resultado foi beneficiado pela base de comparação baixa e também pela flexibilização das medidas de isolamento social contra o coronavírus em algumas partes do país.

Agronegócio Brasileiro e Balança Comercial

De acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviço, dos resultados na 5ª semana de Junho de 2020, a balança comercial registrou superávit de US$ 0,878 bilhão e corrente de comércio de US$ 2,379 bilhões, resultado de exportações no valor de US$ 1,628 bilhões e importações de US$ 0,75 bilhão. No mês, as exportações somam US$ 17,912 bilhões e as importações, US$ 10,449 bilhões, com saldo positivo de US$ 7,463 bilhões e corrente de comércio de US$ 28,361 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 102,43 bilhões e as importações, US$ 79,395 bilhões, com saldo positivo de US$ 23,035 bilhões e corrente de comércio de US$ 181,825 bilhões.

Nas exportações dos produtos agrícolas, a Secex informou que:

As exportações de café torrado contabilizaram um volume de 141,557 mil toneladas no mês de junho, sendo que destes, a quinta semana correspondeu a 38,477 mil tons. O resultado mensal foi inferior em 34,45% comparado ao volume exportado em maio/20 e redução de 16,51% ante o mesmo mês de 2019. A média diária registrada nos 21 dias úteis de junho ficou em 6,740 mil tons.

A soja em grãos obteve um volume 13,750 milhões de toneladas no último mês, com queda de 11,36% na variação mensal, mas superior em 60,77% ante o volume registrado em igual período do ano passado. A média diária contabilizada ficou em 654,78 mil tons.

Na exportação do milho, a Secex informou a movimentação de 348,129 mil toneladas, sendo que destas, 307,10 mil tons foram registradas na última semana do mês. O resultado de junho foi de um incremento de 323,19 mil toneladas ante maio, mas com retração em 70,87% comparada ao volume registrado em jun/19, que foi de 1,195 milhões de tons. A média diária do mês ficou em 16,577 mil tons.

Economia Mundial - Economia da China recupera força após medidas para combater covid-19

A atividade econômica está ganhando força na China, segundo uma série de dados divulgados nesta semana, um sinal de que a abordagem dura de Pequim para combater a pandemia de covid-19 está começando a valer a pena, enquanto os Estados Unidos voltam a adotar medidas restritivas para enfrentar um novo surto da doença.

Um indicador privado da atividade no setor de serviços da China, publicado nesta sexta-feira, subiu em junho para o nível mais alto em uma década graças ao alívio das medidas de controle em muitas partes do país, o que impulsionou as compras.

O índice gerente de compras (PMI) de serviços do Caixin-China subiu para 58,4 em junho, ante a 55 em maio, informaram o grupo de mídia Caixin e a empresa de pesquisa IHS Markit hoje.

A leitura de junho ficou muito acima da marca dos 50 pontos, que separa expansão de contração, sinalizando uma rápida recuperação mês a mês. Apesar da recuperação, o nível real da atividade ainda permanece muito abaixo dos níveis pré-pandemia.

A forte recuperação nos serviços se soma a outros três indicadores divulgados no início da semana. O PMI do setor industrial da China avançou para 50,9 em junho, em relação aos 50,6 em maio, a leitura mais alta em três meses. Já o PMI oficial de serviços avançou para 54,4, valor mais alto dos últimos sete meses, segundo o Escritório Nacional de Estatísticas (NBS).

Embora dolorosa no curto prazo, a estratégia da China de eliminar o vírus antes de tentar uma grande reabertura da economia parece ter sido a decisão certa, especialmente na comparação com os EUA, segundo Ding Shuang, economista do Standard Chartered em Hong Kong (Valor Investe).

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

 

Veja Mais
Destaques da Economia (13 a 17/07): Agronegócio segue sustentando o PIB brasileiro com bons indicadores nas exportações
Destaques da Economia (06 a 10/07): Ibovespa se recupera e bate 100 mil pontos, mas aumento de casos de covid-19 limitam a alta
Destaques da Economia (29/06 a 03/07): Recuperação na produção industrial em maio, minimiza o pessimismo da economia brasileira
Destaques da Economia (22 a 26/06): Segunda onda de disseminação do coronavírus volta a alarmar a economia mundial
Previsão do Tempo: nova frente fria provoca chuva com trovoadas e ventania

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo