Arroz – Balanço Semanal: Preços apresentam melhora depois de começarem outubro em queda

  • 14/10/2019
  • 3
  • Categoria(s): Mercado de Arroz |

Arroz

A cotação do arroz no Brasil apresentou uma leve alta a semana passada de 0,42% no período de 07 a 11 de setembro ficando a um custo médio de R$ 45,77/saca contra os R$ 45,58/saca obtidos na semana anterior. A maior cotação atingida foi no dia 08 de outubro, quando o índice chegou a R$ 46,01/saca. Na segunda-feira (14) a cotação permaneceu praticamente estável com alta de 0,04% em R$ 45,84/saca. Confira o balanço semanal:

Arroz Brasil

Os preços do arroz que haviam entrado o mês de outubro em queda, apresentaram melhora nos índices na última semana chegando a bater o preço máximo de R$ 46,01/saca na terça dia 08 de outubro. Na sexta (11) os índices ficaram em R$ 45,82/saca com alta de 0,33% na variação mensal e a média da última semana ficou em R$ 45,77/saca.

Nesta segunda-feira as cotações apresentaram estabilidade e fecharam em R$ 45,84/saca no Esalq/Senar-RS.

No Rio Grande do Sul os preços praticados têm operado entre R$ 40,50/saca (mínimo do Estado na cidade de Jaguarão) e máxima de R$ 49,00/saca em pelotas, preço FOB pago ao produtor. Os índices variaram pouco comparado a semana passada. Somente a região de Santa Maria é que apresentou queda de 4,1% na variação semanal, passando de R$ 45,90/saca para R$ 44,00/saca na semana atual.

Produção de Arroz no Rio Grande do Sul

Detentor de 80% da produção brasileira de arroz, o Rio Grande do Sul estima que a safra de 2019/20 de arroz atinja uma área de 961,37 mil hectares e uma produção de 7,51 milhões de toneladas, com alta de 4,71% comparado com o volume da safra 2018/19 que foi de 7,17 milhões de tons.

A produtividade média inicial esperada é de 7.813 kg/ha com aumento de 5,31% ante a produtividade da última safra.

Veja mais:

Contém glúten? Variedade de trigo melhorado geneticamente pode ser a solução para celíacos

Plantio de soja segue atrasado nos estados do Paraná e Mato grosso

Safra de grãos 2019/2020: cenário é favorável para recorde, aponta estudo da Conab

Arroz no Estado do Paraná

De acordo com o Deral em seu último boletim, as estimativas de lavoura de arroz irrigado no Paraná irão abranger uma área de 18,7 mil hectares com queda de 6% ante a área cultivada na safra 2019/20. O Paraná não é grande produtor de arroz, dada as condições climáticas não muito favoráveis e se deve considerar que os produtores optam por cultivar soja e milho na safra de verão.

A produção estimada é de 142,9 mil toneladas, com aumento de 10% ante a safra anterior, que foi de 128,6 mil tons. Esse resultado esperado de aumento se deve por conta do aumento da projeção da produtividade média inicial do arroz irrigado que está em 7.647 kg/ha volume bem acima do que o ano anterior que era de 6.442 kg/ha.

Já para o arroz sequeiro, o Deral informa que a área será de apenas 2,9 mil hectares e uma produção de 5,9 mil toneladas, com queda de 13%. A produtividade esperada é de 2.034 kg/ha.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Veja Mais
Arroz – Balanço Semanal: Com demanda aquecida, preços seguem em alta
Arroz – Balanço Mensal: Novembro registra o melhor preço médio praticado no arroz em 2019
Arroz – Balanço Semanal: Condições climáticas favoráveis contribuem para o avanço do plantio no Rio Grande do Sul
Arroz – Balanço Semanal: Com incerteza no clima, cotação do arroz segue firme
Arroz – Balanço Semanal: Com incertezas no plantio da safra 2019/20, arroz permanece com preços firmes

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo