Safra de grãos 2019/2020: cenário é favorável para recorde, aponta estudo da Conab

  • 11/10/2019
  • 3
  • Categoria(s): Mercado de Grãos |

safra de grãos 2019/20

A safra atual mantém a tendência de ser recordista de grãos. É o que indica a  Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que divulgou nesta quinta-feira (10), o  1º levantamento da safra de grãos 2019/2020. Os dados revelam que a produção brasileira está estimada em 245,8 milhões de toneladas, o que representa ganho  de 1,6% ou 3,9 milhões de toneladas, em comparação aos 242,1 milhões de toneladas de grãos da safra 2018/19. Quanto à previsão da área plantada total no país, a expectativa é que sejam cultivados 63,9 milhões hectares, ou seja, uma variação positiva de 1,1% em comparação à safra passada.

Segundo a Conab, a metodologia do estudo de campo colheu cerca de 900 depoimentos para levantar informações relacionadas à intenção de plantio das culturas de verão que se iniciam.  

As produtividades estimadas para esta safra refletem condições normais de rendimento e são apuradas com a análise estatística das séries históricas e dos pacotes tecnológicos, existentes na base de dados da Companhia.

O  estudo mostra que a produção estimada para o milho primeira safra é de 26,3 milhões de toneladas, isto é,  2,5% superior à produção da safra passada, com um crescimento de 1% na área, totalizando 4,14 milhões hectares.

Já a previsão do milho segunda safra, que começará a ser plantado somente após a colheita da soja, que está vigente no momento, representa cerca de 70% do total do grão.

A soja mantém a tendência de crescimento na área cultivada e aponta para crescimento de 1,9% em relação aos números anteriores, com 120,4 milhões de toneladas.

O feijão primeira safra, indica retração de 3,9% na área a ser cultivada. A  diminuição prevista está relacionada  aos problemas de chuva na colheita nas safras anteriores. A  cultura perde espaço para o milho e a soja, que apresentam melhor rentabilidade.

O arroz, por sua vez, tem uma previsão mais otimista:  10,6 milhões de toneladas. Mesmo com redução de 0.6% na área a ser cultivada, o número é 1,9% superior à safra  de 2018/19, totalizando 1,7 milhão de ha.

Um discreto acréscimo de 1,2% na área também pode ser notado na cultura do algodão, que prevê alcance de 1,6 milhão de ha.

Já o trigo,  a safra 2019 ainda não foi totalmente colhida, mas ao que tundo indica a projeção é de cerca de 5,1 milhões de toneladas.

*Com informações da Conab

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola

 

 

Veja Mais
Conjuntura: Brasil deve bater novo recorde de grãos na safra 2019/2020
Safra de grãos 2019/2020: cenário é favorável para recorde, aponta estudo da Conab
Conjuntura de grãos: safra 2019 é recordista com saldo de 239,8 milhões de toneladas, diz IBGE
Safra de grãos brasileira: estudo prevê produção de 300 milhões de toneladas daqui a dez anos
Grãos: relações de consumo, estoque, produção e exportações globais, segundo USDA

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo