Cana-de-açúcar – Balanço Semanal: Cotação aponta desvalorização no açúcar e etanol anidro

  • 11/09/2019
  • 2
  • Categoria(s): Cana de Açúcar |

Cana de Açúcar

Durante a semana de 02 a 06 de setembro, o mercado dos derivados da cana-de-açúcar apresentaram desvalorização nas cotações, tanto nos preços da saca do açúcar cristal, quanto do litro de etanol anidro. Já o preço do etanol hidratado, voltou a subir após redução na semana anterior.

Veja Mais
Cana-de-Açúcar: Preço do açúcar atinge o menor índice do ano em junho resultando numa queda de 9,48% ante maio/19
Cana-de-açúcar – Balanço Semanal: Etanol aponta desvalorização após altas consecutivas e açúcar mantém elevação nos preços
Açúcar/Cepea: Safra 2019/20 começa com preços do cristal em queda.
Cana-de-açúcar - Balanço Semanal: Açúcar aponta elevação nas cotações, o etanol mantém seus preços estáveis
Cana-de-Açúcar: Preço do Açúcar Brasil apresenta baixos índices, mas a cotação no mercado internacional deixa dúvidas de como serão os próximos movimentos

Açúcar Cristal

A média semanal do açúcar cristal (Icumsa, de 130 a 180) na cidade de São Paulo, foi de R$ 60,79/saca de 50 kg, com redução de 0,44% em relação a semana anterior que ficou em R$ 61,06/saca, de acordo com os índices registrados no Cepea/Esalq.

Já no Porto de Santos, a média foi de R$ 61,78/saca com desvalorização de 0,24% ante a semana passada que foi de R$ 61,93 pagos pela saca do açúcar.

Em São Paulo dos dez primeiros dias do mês, apenas dois apontaram valorização na cotação do açúcar que foi no dia 02/09 com um aumento de 0,70% e no início dessa semana em 09/09 com elevação de 0,90% no preço. Até o dia 10/09 a variação mensal mostrou baixa de 1,80% nos índices cotados.

Nesse início do mês o açúcar em Santos, chegou a desvalorizar 1,29% na variação diária em 05/09, apresentando o menor preço pago pelo açúcar durante a semana de R$ 61,24/saca.

Pesquisadores do Cepea afirmam que agentes de usinas do estado de São Paulo estiveram mais flexíveis nos preços, diante da demanda mais retraída quando comparada à observada no encerramento de agosto. Compradores, por sua vez, se mostraram abastecidos com as aquisições recentes.

Veja mais:

Trigo Brasil: Mesmo com avanço da colheita, produtores não recuam nos preços, perdas na produção e alta do dólar fortalecem as cotações

Soja Mercado Interno: Preço da soja fecha com leve valorização nos portos

Etanol

Os preços no mercado do etanol hidratado em São Paulo, durante o período de 02 a 06 de setembro apresentaram voltaram a subir, após queda na semana anterior. O valor foi R$ 1,7031/litro (sem ICMS/PIS/Cofins), com uma elevação de 0,73% na variação semanal.

A alta foi reflexo que algumas unidades precisaram interromper a moagem no início da semana (02/09), devido às chuvas. Além disso, a volta, ainda que pontual, de algumas distribuidoras ao mercado também influenciou no aumento.

Na cotação do etanol anidro foi de R$ 1,888 /litro, com uma baixa de 1,06% na variação semanal, apontando redução pela segunda semana seguida.

Para o etanol anidro, o volume de negócios esteve maior na última semana, mas, no balanço do período, a oferta seguiu um pouco superior à demanda.

Segundo o levantamento do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços divulgado, por meio da Secretaria de Comércio Exterior, em seu relatório semanal, as exportações de etanol atingiram 53,1 milhões litros na primeira semana de setembro (02 a 06/09), arrecadando em valores nesse período cerca de 17,0 milhões de dólares.

Durante agosto os volumes totais exportados foram de 314,4 milhões litros, faturando 161,7 milhões de dólares.

Últimas notícias sobre o mercado da Cana-de-Açúcar

As usinas de açúcar da Índia estão tentando fechar acordos com clientes da China ao Irã para iniciar as exportações a partir de 1º de outubro, quando novos subsídios do governo entram em vigor.

A Índia aprovou incentivos no valor de 62,68 bilhões de rupias (US$ 875 milhões) no mês passado para subsidiar exportações de até 6 milhões de toneladas de açúcar em 2019-20. O governo reembolsará parte das despesas locais e de frete oceânicas relacionadas ao transporte, melhora e processamento do açúcar.

As usinas querem começar a exportar o açúcar estocado no país, devido ao excesso de produção dos últimos anos, em vez de esperar a nova safra para aproveitar ao máximo o tempo que resta até abril, quando a oferta do Brasil começa a tomar conta do mercado.

As exportações mais altas da Índia podem elevar a pressão sobre as cotações globais, que estão próximas da mínima em 12 meses, incomodando ainda mais grandes produtores do derivado. A Austrália, Brasil e Guatemala apresentaram um pedido conjunto para que a Organização Mundial do Comércio (OMC) crie um painel para questionar os novos subsídios da Índia.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Veja Mais
Açúcar em baixa
Cotações do milho em Chicago sob influência do clima e do relatório USDA
Logística Ferroviária: contrato de concessão da Ferrovia Norte-Sul é assinado; a previsão é de que eixo central comece a operar ainda este ano
Boa produção de milho é esperada nos EUA
CONAB estima safra 2018/19 de soja com resultados positivos em relação a 2017/18

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo