Nova frente fria faz temperaturas despencarem sobre o Sul do país com avanços para Centro-Oeste e Sudeste brasileiro

  • 13/08/2019
  • 3
  • Categoria(s): Notícias Agrí­colas |

A partir desta quarta-feira (14), o ar frio de origem polar trazido pela frente fria que passou a atuar sobre o estado gaúcho nas últimas 24 horas, deverá provocar temperaturas negativas e até formação de geadas em algumas cidades do Sul do país. No Centro-Oeste e no Sudeste, o frio intenso também será destaque, mas não há alerta para ocorrência de geadas.

Em contrapartida, o dia deverá amanhecer mais frio do que hoje (13), com temperaturas ainda mais baixas e há condições para geada generalizada sobre o Rio Grande do Sul, no centro, oeste e sul de Santa Catarina e no oeste e sul do Paraná. 

Na quinta-feira (15), ainda pode gear em áreas dos três estados e pode voltar a gear em Curitiba.

Apesar da previsão do tempo apontar que as capitais Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba devem ficar  muito geladas nos próximos dias, ainda assim não devem ter novos recordes de frio, como visto no início de julho.  

Tire o casaco do armário!

No leste de São Paulo a  mudança do tempo, com aumento da nebulosidade, ocorrência de chuva fraca e, principalmente, diminuição das temperaturas, pegou muita gente desprevenida.

O sistema chegou ao Rio de Janeiro no meio da tarde, onde há risco de chuvas volumosas durante a noite.  De acordo com a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o estado de São Paulo terá mínima prevista de 2°C na próxima quinta-feira, 15.

Na quarta (14), o estado de Santa Catarina é o que apresenta a temperatura mínima mais baixa, podendo chegar a -4ºC. Os termômetros do Rio Grande do Sul podem chegar a -3ºC e, no Paraná, a -2ºC. Segundo o Inmet, a tendência para os próximos dias é esquentar novamente na região. A massa de frio também refletirá nas temperaturas de outros locais, como Minas Gerais, com mínima de 4°C na quinta-feira.

Safra Inverno 2019

A área estimada de trigo alcançou 1,99 milhão de hectares, 2,6% menor que em 2018 e a produção estimada em 5,4 milhões de toneladas. A conclusão do plantio aconteceu na primeira quinzena de julho, notadamente no sul do Paraná e no Rio Grande do Sul. Especialmente no Paraná, as lavouras estão sendo afetadas pelas adversidades climáticas.

Leia aqui outras matérias relacionadas: 

Agosto chega trazendo frio intenso em várias regiões do país, no sul há previsão de geadas fortes

Onda de frio intenso: lavouras de Trigo sofrem com novas geadas no primeiro fim de semana de agosto no Paraná

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo