Arroz – Balanço Semanal: Arroz inicia mês de julho acumulando queda de 0,55% na primeira semana

  • 16/07/2019
  • 2
  • Categoria(s): Mercado de Arroz |

Cotação do Arroz

Desde a segunda semana de junho/19 que o mercado do arroz vem em contínua desvalorização, no mês passado a cotação do arroz acumulou queda de 2,01% na variação mensal. Em julho a cotação já acumula 0,55% de queda na parcial do mês...

Cotação arroz em casca Brasil

Na semana passada (entre os dias 08 a 12 de julho) os preços do arroz se mantiveram estáveis. Embora a última semana não tenha apresentado variação de preço na média semanal, já que a cotação permaneceu em R$ 43,21/saca, mesma média registrada na semana anterior, o preço do arroz continua apresentando desvalorização no mês de julho, a variação acumulada no mês até o dia 12/07 estava em 0,55% de queda.

A segunda-feira 08/07 começou com o preço da saca do arroz em casca custando R$ 43,23 (R$ 0,05 a mais que na sexta 05/07 onde o valor fechou em R$ 43,18/saca).

A mínima obtida na semana foi na terça-feira quando os índices do Esalq/Senar-RS marcaram R$ 43,17/saca. Já a máxima, foi registrada na quinta, dia 11/07, onde o valor do dia fechou em R$ 43,25/saca. Na sexta-feira o preço do arroz encerrou a segunda semana de julho com o índice de R$ 43,21/saca.

Ontem, dia 15/07 a cotação do arroz fechou em R$ 43,21/saca.

Cotação internacional do arroz

No mercado internacional do arroz a média semanal ficou em US$ 11,72/saca, valor 3,9% a mais que na semana anterior, onde a média da semana fechou custando US$ 11,28/saca.

No dia 08/07 a cotação do arroz na ICE Futures estava valendo US$ 11,71 para a saca de 50 kg. US$ 0,21 a mais que na sexta dia 05/07 onde a saca estava em US$ 11,50. A máxima registrada foi de US$ 11,87/saca na terça-feira (09 de julho) e a mínima obtida na semana foi registrada no dia seguinte, quando os índices marcaram US$ 11,66/saca.

Ontem, dia 15/07 o preço do arroz para exportação estava operando em US$ 11,89/saca alta de 1,79% frente ao preço de US$ 11,68/saca registrado na sexta dia 12/07.

Hoje os índices estavam em US$ 11,83 as 10:42 a.m. apresentando um leve recuo frente ao valor comercializado no dia anterior.

O aumento do arroz na bolsa foi influenciado pela valorização do bath, moeda tailandesa frente ao dólar. Na Tailândia, os preços de exportação aumentaram 2% nos últimos dias. No Vietnã houve alta de 1% no preço do arroz, aproximando o preço do cereal ao valor operado na Índia.

Veja mais:

Café – Resumo Semanal: Café recua mais de 4% na segunda semana de julho

Geadas: trégua nas baixas temperaturas não recupera prejuízos no campo; vem mais frente fria por aí

Conab estima boa produção do milho brasileiro

Análise Global da exportação em Junho

A previsão da comercialização do arroz em âmbito global para 2019 indica um declínio em torno de 3,1% resultando num volume de 46,9 milhões de toneladas. A queda pode afetar principalmente a Índia.

Quanto aos estoques de arroz, a expectativa é de um aumento de 3,9% para 2019, chegando ao volume de 180,6 milhões de ton., contra os 173,9 Mt registrados em 2018. A quantidade de reserva equivale a 35% do consumo mundial. O incremento de estoque está ligado à reconstituição de reservas chinesas e indianas, e também, da Indonésia e Filipinas.

A exportação do arroz em junho nos Estados Unidos foi contabilizada em 345.000 toneladas, volume 23% acima do que foi exportado no mês de maio (280 mil toneladas). O México continua sendo o maior comprador do arroz norte-americano com 22% das vendas externas, em segundo vem o Haiti (13%) e o Japão (11%). O preço médio do arroz Long Grain 2/4 ficou em US$ 490/t em junho. Na primeira semana de julho, a cotação apresentou recuo para US$ 485. Já os preços futuros do arroz em casca na Bolsa de Chicago para julho vêm operando com média de US$ 260,00 por tonelada.

No Mercosul, a balança comercial registrou queda significativa na exportação do arroz, especialmente para a economia do Brasil, em função da baixa demanda africana. Os preços de exportação se mantiveram estáveis, visto que o mercado veio operando de forma menos ativa. O volume exportado do arroz brasileiro foi de 18 mil toneladas em junho/19, contra 89 mil ton destinadas ao exterior em maio. Na Argentina, houve queda nas exportações de junho contra maio, mas aumento de 40% em relação ao mesmo período de 2018.

Já no Uruguai a exportação de arroz subiu de 41 mil toneladas de maio, para 65 mil ton. em junho, aumento de 36% – embora com um resultado melhor que o mês anterior, a queda é de 25% em relação a junho do ano passado.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Veja Mais
Arroz – Balanço Mensal: Novembro registra o melhor preço médio praticado no arroz em 2019
Arroz – Balanço Semanal: Condições climáticas favoráveis contribuem para o avanço do plantio no Rio Grande do Sul
Arroz – Balanço Semanal: Com incerteza no clima, cotação do arroz segue firme
Arroz – Balanço Semanal: Com incertezas no plantio da safra 2019/20, arroz permanece com preços firmes
Arroz – Balanço Mensal: Redução na área plantada e incertezas nas condições climáticas mantém os preços em trajetória de alta

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo