Café tem alta de quase 7% comparado a terça da semana anterior

  • 26/06/2019
  • 3
  • Categoria(s): Mercado do Café |

Café

Um dos fatores para o movimento atípico de alta está atrelado ao clima no Brasil. Há previsão de geada em várias regiões do país para os próximos dias, o que deixou os analistas da bolsa bastante atentos ao cenário brasileiro...

Na segunda-feira dia 24/06 a AF News mencionou aqui que o mercado do café estava apresentando indícios de alta depois de atingir patamares abaixo dos R$ 400 a saca no início da semana passada. Pois enfim, nesta terça-feira o preço do café arábica se recuperou e fechou em R$ R$ 424,04/saca de 60 kg, alta de 6,8% em relação a terça feira anterior, ou seja, R$ 27,24 reis por saca. (Cepea/Esalq).

Durante o dia de hoje 26/06 os índices apresentaram pequenas variações e a cotação do arábica tipo 6, bebida dura para melhor, posto na capital paulista fechou em R$ 423,57 ao final do dia, resultando num avanço em relação a variação mensal, que agora ficou acumulada de forma positiva em 1,38% no mês.

Confira também: Balanço mensal de preços do café e histórico de cotações de 2015 a 2018

O preço do café conilon (robusta) que chegou a bater R$ 278,22/saca de 60 kg na semana passada (19/06) acumulando queda de 7% no mês, também sofreu valorização e fechou esta quarta-feira em R$ 289,33/saca aumento de 3,83%. No Entanto, o acumulado mensal para o tipo 6, peneira 13 acima, ainda continua com saldo negativo de 3,34%.

Conforme a análise de mercado da Cepea apresentada hoje, o motivo do aumento foi provocado pelos agentes que seguiram mais ativos no mercado, possibilitando o fechamento de negócios. Na Bolsa de Nova York (ICE Futures), a valorização dos futuros do café arábica foi reflexo de fatores técnicos e preocupações quanto ao clima no Brasil.

O movimento atípico de alta está também atrelado ao clima no Brasil. Há previsão de geada em várias regiões do país para os próximos dias, o que deixou os analistas da bolsa bastante atentos ao cenário brasileiro.

No mercado internacional do café, a ICE Futures teve recuo de 1,46% ao final do dia. O índice que chegou a bater a máxima cotação do mês de junho ontem, registrando US$ 106,45/saca de 60 kg, aumento de 4,36% em relação ao dia anterior, fechou a quarta-feira em US$ 104,90/saca para os contratos futuros. Durante o dia a máxima atingida bateu a casa dos US$ 107,15.

Faça seu cadastro agora e acompanhe as análises de mercado de trigo, milho, soja, laranja, café, cana de açúcar, algodão, arroz e derivados. Você terá acesso gratuito por 7 dias. Após este período, poderá acessar ainda GRATUITAMENTE, nossas matérias abertas; agroindústria, logística, carnes, conjuntura de grãos e conjuntura econômica. É rápido e descomplicado. Um pé no campo e outro nos negócios. Basta clicar aqui.

Veja Mais
Café – Balanço Semanal: Com boa expectativa de oferta, preço do café despenca
Café – Balanço Semanal: Boas expectativas da oferta de café para 2019/20 faz as cotações recuarem chegando a 5% de queda
Café – Balanço Mensal: Café Arábica fecha setembro com alta de 5% na variação mensal
Café – Resumo Semanal: Clima seco é o principal fator na redução da produção do grão
Café – Resumo Semanal: Café arábica registra aumento de 3,7% ante o valor médio da semana passada

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo